Assinatura RSS

Tag: Matérias literárias

Oi gente,

Hoje vim responder uma tag que o Eurico Gomes me indicou. Já faz um tempinho que ele indicou, demorei, mas finalmente vou responder, Brigada, Eurico. É uma tag literária que relaciona livros à matérias escolares. Que eu gosto muito de livros, vocês já sabem, mas principalmente (quase exclusivamente) de livros de literatura, então pra algumas matérias eu acabei dando uma pequena roubadinha.

dom casmurro e sherlock

Matemática: um livro que a maioria critica

Achei esse conceito da maioria criticar bem complicado de seguir, principalmente porque eu sou formada em letras, então convivo muito com dois grupos bem diferentes, aquele das pessoas que não são do mundo acadêmico e muitas não gostam daqueles livros mais clássicos, do tipo obrigatório na escola (e eu adoro vários) e o grupo de colegas e professores que vai criticar quase qualquer best seller da vida (e eu adoro muitos). Resolvi então falar de dois livros, Dom casmurro, do Machado de Assis (minha edição é junto com O alienista, mas tô indicando o outro) que foi o primeiro livro do autor que eu li e, de cara, já gostei muito (hoje em dia gosto mais do Memórias póstumas de Brás Cubas, mas acho Dom casmurro mais fácil de gostar). O outro é Um estudo em vermelho do Conan Doyle, é o primeiro livro do Sherlock Holmes e é ótimo pra conhecer o personagem.

fausto

Português: um livro com a escrita difícil de ser lida

Ano passado eu li Fausto, do Goethe. Digo que li, pois decodifiquei todas as palavras, do início ao fim, mas entender mesmo, não consegui entender. Depois descobri que minha versão é um pouco antiga, do século XI e isso com certeza torna a linguagem mais difícil. Embora tenha entendido pouquíssimo, gostei bastante do livro e planejo reler em uma tradução mais amigável.

solo de clarineta

História: um livro que conte a história real de alguém ou de algum lugar

Essa coisa de história real é bem engraçada, quando eu leio um livro a última coisa que me preocupo é se a história é real. Eu gosto de personagens, de me envolver com eles e suas histórias, é isso que me fascina na literatura. Se a história é fascinante pra mim, pouco importa se aconteceu de verdade ou não. Eu não sou super fã de biografias (que eu acho que se encaixariam perfeitamente), mas tem um livro de memórias que eu gosto muito e é ele que vou indicar, Solo de clarineta do Erico Verissimo. Eu gosto demais do Erico, da forma como ele escreve, tanto que achei fascinante até o livro de memórias. Ele tem também alguns livros de viagens, mas ainda não li nenhum.

fronteiras do universo

Biologia: um livro que tenha animais

Procurei bastante e não encontrei nenhum livro em que os animais sejam protagonistas, mas tem toda a série de Fronteiras do universo em que os ursos de armadura são super importantes. Iorek Byrnison, rei dos ursos, se torna amigo de Lyra, a protagonista, e a ajuda em diversos momentos.

Roverandom

Física/ Química: um livro que leu e não lembra quase nada

Eu tenho uma memória ótima pra muitas coisas, mas certamente não para me lembrar de enredos. Sejam filmes, sejam livros, sempre me esqueço do que acontece ou de como termina. Por isso acho que gosto tanto de releituras e minha lista só cresce. Um dos livros que li há alguns anos, lembro que gostei, mas não lembro de nada (ou quase) é Roverandom do Tolkien. Quero muito reler.

o dia do curinga 2

Geografia: um livro em que a história se passe em um país/ cidade pouco conhecida

Tive bastante dificuldade com essa pergunta, ou eu não me lembro onde o livro se passa, ou é em algum lugar conhecido ou imaginário. Acabei escolhendo O dia do curinga  do Jostein Gaarder (autor do Mundo de Sofia) que se passa em uma viagem. Ok, a viagem é pela Europa que é um lugar bem conhecido, mas os personagens são da Noruega (e estão viajando de carro até a Grécia) e eu pelo menos não sei nada sobre a Noruega. Muito do livro se passa em uma cidade chamada Dorf, mas não consegui descobrir se é uma cidade real ou não. Mais um livro para entrar na lista de releituras.

brumas

Inglês: um livro que se passe nos EUA ou algum país que fale a língua

As brumas de Avalon de Marion zimmer Bradley conta a história do rei Arthur, uma lenda britânica.

oteov

Artes: um livro que envolva artes/ cultura em geral

Eu não tenho um livro sobre artes pra indicar, mas sim que envolve algumas das artes, mais especificamente, a literatura. O tempo e o vento do Erico Verissimo (sim, de novo). Não vou dizer que o livro seja sobre literatura simplesmente, pois seria mentira, mas ele acontece no processo de escrita de Floriano Cambará. Existem muitas reflexões do escritor sobre a própria escrita e também sobre seu povo e sua cultura. Não é um livro que apenas retrata a cultura gaúcha, mas ele problematiza os valores e a sociedade. É um livro que eu gosto demais (não foi atoa que passei dois anos estudando sobre ele), mas sei que a leitura não é tão simples. Embora seja muito agradável e fácil de entender, ele tem três partes lançadas em sete volumes, não é leitura de um fim de semana. É um livro maravilhoso que vale a pena ser lido, mesmo que demore. Por favor não se deixe enganar por mini séries ou filmes da Globo, eles se propõem a contar apenas o terço inicial do livro e, mesmo assim, deixam muito a desejar, leia o livro.

metamorfose

Educação física: um livro sobre esportes ou aparência física

Mais uma vez eu não vou ter nenhum livro mais técnico pra indicar, que realmente trate de esportes ou de estética, indico A metamorfose, do Kafka. Tudo acontece quando Gregor Samsa, uma pessoa totalmente normal, acorda um dia transformado em um inseto medonho. O seu interior não se modifica, ele ainda é a mesma pessoa, mas sua aparência não é mais humana. Claro que o livro vai muito além disso e essa questão é uma metáfora para problemas da sociedade, afinal, a transformação não é realista, ninguém dorme ser humano e acorda inseto. Esse é mais um livro pra minha lista de releituras, gostei demais e fiquei encantada com ele na minha primeira leitura, está na hora de reler.

Espero que tenham gostado da Tag e das indicações. Sintam-se todos a vontade para responder, se responderem, me avisem nos comentários. Me sigam no Instagram e curtam a página do Facebook. Para receber os posts no seu e-mail, sigam o blog.

Beijos

Anúncios

Uma resposta »

  1. Pingback: Refletindo – a universidade e o pedantismo | Isso, aquilo e tal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: