Assinatura RSS

Livro: As brumas de Avalon – Marion Zimmer Bradley

Oi gente,

Hoje quero falar um pouco de um livro, na verdade uma série de livros que eu terminei de ler, na verdade reler, há alguns dias.

brumas 1

Dá pra ver que os livros são bem antigos. O primeiro veio sem essa capa de papel protegendo o couro aí minha mãe fez uma para mim.

Acho que essa foi a terceira vez que li essa série. Minha mãe, há muitos anos atrás, encontrou esses quatro livro em um sebo e comprou pra mim. Eu nunca tinha ouvido falar de As brumas de Avalon e não gostei da capa, enrolei séculos pra ler até que tomei coragem. E aí foi só amor.

Acho que quase todo mundo sabe que esse livro conta a história do rei Arthur e todas aquelas lendas, mas é bem diferente da maioria. A história é narrada a partir de pontos de vista femininos. Ela não é em primeira pessoa nem nada, mas o foco principal é nas mulheres. A personagem principal desse livro é a Morgana, irmã de Arthur, mas ela não é a única mulher que fica em foco durante o livro.

brumas 2

Um ponto de vista diferente sempre vai gerar uma história diferente, então é muito interessante ver a mesma história por outro lado. Claro que, por ser diferente do que já conhecemos, pode causar certo estranhamento, mas acho legal dar uma chance para esse livro que, ao invés de ir aos campos de batalha com os homens, espera pacientemente, fiando, tecendo, cuidando da casa com as mulheres.

Claro que os homens são também muito importantes no romance, o mundo medieval, muito mais do que hoje, era totalmente governado e comandado por homens. Por isso mesmo, ainda mais interessante o foco nas mulheres num momento histórico que sua importância era considerada tão pequena.

brumas 4

O foco principal não é nas guerras contra os saxões, mas na força cada vez maior da Igreja Católica. Inicialmente as crenças pagãs ainda têm muita força, os rituais são celebrados e os ensinamentos passados de geração em geração. Mas aos poucos os padres vão ganhando força e, não apenas conseguindo mais fiéis através de suas palavras, mas também proibindo rituais antigos e taxando tudo que é diferente de bruxaria.

Morgana, iniciada sacerdotisa da Deusa, vê o mundo em que acredita cair e deixar de existir. E luta contra isso, não contra a Igreja de fato, mas contra o esquecimento de sua gente, a proibição de seus ritos e profanação do que considera sagrado. Vemos seus questionamentos e as transformações que enfrenta ao longo da sua vida.

brumas 3

Por não ser a história tradicional do rei Arthur haverá muitos pontos que estão em desacordo com a lenda que já conhecemos. Mas assim são as histórias quando contadas de diferentes pontos de vista, se tornam, muitas vezes, narrativas completamente diversas, por vezes irreconhecíveis. Não há a verdade ou a mentira, afinal, é uma lenda, mas eu realmente me identifico e gosto muito mais dessa versão.

Já leram esse livro? Deixem suas opiniões nos comentários. Pra me acompanhar fora do blog, me sigam no Instagram e curtam a página do Facebook. Se quiser receber os posts no seu e-mail, segue o blog.

Beijos

Anúncios

»

  1. Eu amoooo esse livro, li quando moleca ainda e me apaixoneii. Odeie o filme, que muda toda a história e outro dia li o primeiro livro de novo..gosto muuito dele, a partir do momento que a Guinevere eu começo ficar com raiva e então eu não li os outros..rs.
    Belo post!
    Beijocas
    Blog | Facebook

    Curtir

    Responder
    • Impossível não ter raiva da Guinevere, né? Se bem que eu tenho um pouco de pena também. Nunca vi o filme exatamente porque sempre ouvi falar que invertiam tudo.
      Beijos

      Curtir

      Responder
  2. Assisti ao filme em inglês e é muito bom. Mas, ainda não tive tempo de ler o livro, que certamente é muito mais bonito. Abrs

    Curtir

    Responder
    • Nunca vi o filme e ouvi dizer que não tem muito a ver com o livro, que o filme não dá a devida importância feminina que é tão importante no livro, Te garanto que o livro é ótimo e vale a pena. Beijos

      Curtido por 1 pessoa

      Responder
  3. Pingback: Tag: Matérias literarias | Isso, aquilo e tal

  4. Pingback: Batom líquido Morgana – Tblogs | Isso, aquilo e tal

  5. Adriana da Silva Fregnan

    Estou lendo o segundo agora.odiando essa Guinevere rs
    quanto sofrimento de Morgana, história fantástica!
    Amando vi o filme e é totalmente diferente.
    Comprei toda coleção.

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: