Assinatura RSS

Refletindo: meses x livros

Oi gente,

Normalidade instalada, desde sexta já estou com Internet e a partir de hoje também com wifi. Hoje quero fazer um post diferente sobre leitura, uma reflexão, na verdade.

DSC_0049

Desde criança eu adoro ler, quando eu era pequena minha mãe reclamava que os livros não duravam nada, mal ela me dava, eles já estavam lidos (mas ela nunca me negava comprar um livro novo). Na escola eu era sempre aquela que lia o livro e contava a história pros amigos que não tinham lido, sorteios de livro sempre me deixavam extremamente ansiosa, livro sempre foi um ótimo presente para mim.

E esse foi um dos motivos principais de eu ir fazer letras, eu não tinha o sonho de uma profissão, mas amava literatura e, certamente, seria muito agradável ter como dever de casa ler um livro. E sempre continuei lendo livros da minha escolha além daqueles pedidos pelos professores (e muitas vezes meus deveres de casa não eram apenas ler literatura).

DSC_0048

Mas ano passado foi um ano muito diferente, não sentia vontade de ler. Eu não sei exatamente porque isso aconteceu, chutaria que foi como uma grande e longa ressaca, já que os dois anos anteriores, 2012 e 2013 foram anos de leitura muito intensa e tive muito pouco tempo para realmente ler o que eu gostaria. Quando eu percebi que algo que sempre foi um prazer para mim, de repente se tornou algo chato que eu não tinha mais vontade de fazer, me senti muito triste.

Não vou dizer que não li quase nada ano passado, provavelmente li muito mais livros do que a maioria das pessoas, mas eu sentia a falta de vontade e o intervalo enorme entre um livro e o próximo. Como era uma coisa que não me despertava mais o interesse eu podia ter apenas largado de lado, mas queria voltar a sentir o prazer que eu sentia antes.

Por isso comecei a me esforçar, separar diariamente 1h para leitura. Nem sempre dava certo, muitos dias eu acabava deixando essa hora para lá, mas em outros dias funcionava. E aí esse ano comecei a participar do desafio literário que já contei pra vocês, o meses x livros. No início ele era realmente muito bom, me estimulava a correr atrás de um livro e ler inteiro antes do próximo mês pra poder postar aqui, mas foi mês passado que comecei a ver nesse desafio mais um problema do que uma ajuda. De repente eu tinha de volta uma lista (mental) de livros para ler e parar para procurar um livro com aquela inicial e colocar na frente das minhas prioridades não estava mais sendo prazeroso.

DSC_0050

Por isso, ao fim do mês de Junho não teremos um livro com J iniciando o título, por isso não seguirei mais o meses x livros. Foi uma tag muito legal que me ajudou muito nesse primeiro semestre de 2015, me ajudou mesmo, mas já cumpriu seu trabalho. Prometo que as resenhas de livros não vão parar e estarei sempre atualizando por aqui minhas leituras ou releituras, mas agora elas seguirão apenas minha vontade.

Se tiver algum livro pra me recomendar, deixa nos comentários. Pra me acompanhar, segue no Instagram e a página no Facebook. Quer receber um e-mail sempre que tiver post novo? Segue o blog.

Beijos

Anúncios

»

  1. Lucia Silva Kubrusly

    Oi querida Juju, se você quer um livro super gostoso de ler, que tal um do Miguel Souza Tavares? É um portugues, de quem eu li dois livros : Equador e Rio das Flores. Equador seu pai tem, Rio das Flores eu tenho. Que pena que você não mora ali na esquina, aí eu te levava lá. Equador se passa um pouco em Portugal e muito em S Tomé e Príncipe, no início do sec 20. Rio das Flores se passa em Portugal e no Brasil, também no inicio do sec 20. Fica a sugestão.
    Beijos
    Lucia

    Curtir

    Responder
  2. Oi, Ju!
    Pô, acho que tô passando por um momento assim, como o que vc passou, no ano passado. Acho que deve ser pelo fato de eu ter que ler livros mais específicos e didáticos, para planejar aulas e também por ter sempre muitas redações para corrigir… A leitura, por vezes, tem deixado de ser prazerosa. O último livro que (re)li com prazer foi “O Senhor Valery e a lógica” e é um livro muito compacto, de fácil absorção e de leitura bem leve, comparado a outros. Mas, enfim, na minha cabeça eu tenho que ler ainda tanta coisa e eu sempre compro/baixo livros que vão formando uma lista infinita.
    Vou seguir uma recomendação sua aqui no blog e ler “Jazz” pra ver se consigo me curar desse mal súbito que é a leitura por obrigação.

    um beijo, saudades sempre.

    Curtir

    Responder
    • Brigada pela recomendação, Gih, vou procurar. No início voltar a ler foi bastante uma obrigação, mas agora já não é mais =) Aproveita os livros não lidos que vc sempre quis ler. Beijos

      Curtir

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: